Página mostra como funciona parceria para divulgação dos resultados das Eleições 2016

Mais de mil entidades, entre empresas de telecomunicação, veículos de imprensa e provedores de acesso à internet, firmaram parceria com a Justiça Eleitoral para divulgar os resultados das Eleições Municipais de outubro. Por meio dessa parceria, o Tribunal superior Eleitoral (TSE) disponibilizará a plataforma de divulgação dos resultados do pleito para que as instituições parceiras a utilizem em seus próprios portais, fornecendo, em tempo real, a apuração e a totalização dos votos para os seus usuários. Todas as informações sobre a parceria estão disponíveis no Portal do Tribunal na internet.

Os termos dessa parceria são regidos pelos artigos 157 a 164 da Resolução-TSE nº 23.456/2015, que dispõe sobre os atos preparatórios para as Eleições de 2016. A resolução estabelece, além de outras questões, que caberá ao TSE fornecer o modelo de distribuição e os padrões tecnológicos e de segurança que serão adotados na divulgação dos dados oficiais, que serão distribuídos às entidades parceiras. Essa distribuição é feita por meio de arquivo digital ou de programa de computador.

Segundo a resolução, um dos requisitos para a parceria é que as empresas interessadas possuam número regular no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ). Segundo a norma, é necessário que o interessado acate as orientações e atenda aos critérios e prazos que foram estipulados pela Justiça Eleitoral.

Na página da parceria no Portal do TSE, estão disponíveis todas as informações necessárias para os parceiros. Elas estão subdividas em quatro partes: “Apresentação”, “Documentos”, “Simulados” e “FAQ”. Os documentos para informar e instruir os parceiros quanto à divulgação das Eleições 2016 abordam, entre outros assuntos, orientações sobre o processo de divulgação para os parceiros, especificações de arquivos de resultados da divulgação e arquivos de exemplo.

Simulados

Os simulados realizados com os parceiros foram um evento de testes, que consistiu em gerar e disponibilizar dados simulados de eleição, em formato XML, para que as entidades cadastradas pudessem testar suas soluções. Os testes foram realizados nos dias 13, 14, 15, 16, 20, 21, 22, 23, 26 e 27 de setembro. Um ciclo de dados foi disponibilizado pela manhã (das 10h às 12h) e, novamente, à tarde (das 15h às 17h). Cada ciclo de teste também foi iniciado com os dados de candidatos zerados (zerésima da divulgação). O resultado desse resultado, também está disponibilizado na página.

Os testes simularam a totalização de eleições municipais para os cargos de prefeito e vereador e consulta popular municipal em municípios de duas unidades da Federação.

FAQ

Caso os parceiros ainda tenham dúvidas em relação à ferramenta disponibilizada pela Justiça Eleitoral, eles podem acessar a seção intitulada “FAQ”. Nela, estão respondidas as dúvidas mais comuns sobre como a divulgação de resultados acontece, além de esclarecimentos sobre como funciona a ferramenta.

Acesse aqui a página sobre a parceria para a divulgação dos resultados das Eleições 2016.

Fonte: TSE – TS/LC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × dois =