Membro do TCE-RO receberá o Prêmio Nacional de Transparência e Fiscalização Pública

O conselheiro do Tribunal de Contas de Rondônia (TCE-RO), Benedito Antônio Alves, será agraciado em dezembro com o Prêmio Transparência e Fiscalização Pública, concedido pela Câmara dos Deputados em reconhecimento a entidades públicas e da sociedade civil que desenvolvem trabalhos ou ações em favor da causa da transparência e da fiscalização da gestão administrativa, patrimonial e dos recursos públicos no Brasil.

Indicado pelo deputado Marcos Rogério, integrante da bancada federal de Rondônia, o conselheiro Benedito Alves recebeu a maioria dos votos dos integrantes da Comissão de Fiscalização e Controle da Câmara dos Deputados, responsável, juntamente com a Mesa Diretora, por conceder o prêmio.

A indicação de Benedito Alves decorre de sua atuação firme, diligente e dedicada à administração pública rondoniense, em especial ao Tribunal de Contas, onde, desde 2013, exerce o cargo de conselheiro, contribuindo de modo proativo e efetivo, tanto no aspecto da transparência quanto da fiscalização, para a defesa do erário e da boa aplicação dos recursos públicos, em especial, neste caso, pela atuação em defesa e fiscalização do Bioma Amazônico.

Benedito Alves nasceu em Paraguaçu Paulista (SP), tem 56 anos, é casado e pai de um filho. É advogado com mestrado em direito do estado pela Universidade de Franca/SP e doutorando em ciência jurídica pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali/SC), professor universitário, escritor e membro da Academia Rondoniense de Letras.

DESTAQUE

Instituído pela Câmara dos Deputados em 2003, o Prêmio Transparência e Fiscalização Pública é concedido a órgãos, entidades, programas ou agentes da administração pública direta e indireta de qualquer dos poderes da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios e a pessoas ou entidades da sociedade civil, de notória idoneidade, cujos trabalhos ou ações mereceram especial destaque para a causa da transparência ou da fiscalização na gestão administrativa, patrimonial e dos recursos públicos no Brasil.

A entrega do Prêmio será feita no mês de dezembro, em Brasília, durante sessão solene convocada pelo presidente da Câmara dos Deputados.

 

Fonte: Assessoria do TCE-RO